Home / Blog / Tecnologia / Quando a internet 5G vai chegar ao Brasil?

Quando a internet 5G vai chegar ao Brasil?

Os detalhes técnicos para a chegada da tecnologia 5G ao mercado já estão definidos, mas não no Brasil. Países como Estados Unidos e Coreia do Sul começaram a operar este ano as suas primeiras redes 5G.

Evolução natural do 4G e de suas variações, o 5G proporcionará velocidades de download até 100 vezes maiores, além de reduzir a taxa de latência e aumentar o suporte de banda para que mais usuários possam navegar ao mesmo tempo dentro de uma mesma faixa territorial.

Porém, enquanto no exterior a sua utilização já é uma realidade, no Brasil as coisas estão caminhando um pouco mais devagar. A expectativa é que o 5G não comece a funcionar no país antes de 2022. Mas por quais motivos teremos que esperar mais três anos para ter acesso a essa novidade?

O primeiro passo: a liberação das faixas de frequência

No final do mês de maio a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou a liberação das faixas de frequência para a implantação do 5G no Brasil. Por aqui, a tecnologia operará nas faixas de frequência de 2,3 GHz e 3,5 GHz.

Detalhando um pouco mais, a rede de 2,3 GHz contempla as frequências entre 2300 MHz e 2400 MHz. Ela será mais utilizada para os sistemas IMT (International Mobile Telecommunications). Já a rede 3,5 GHz contemplará as frequências entre 3300 MHz e 3600 MHz e será usada para as redes de altíssima velocidade.

internet 5g no brasil

“A aprovação dessas duas matérias é um passo importante para o processo licitatório no qual temos trabalhado, para que seja contemplado o interesse nacional”, destacou em nota o presidente da Anatel, Leonardo de Morais.

Frequências definidas: e agora?

O que acontecerá de agora em diante ainda não tem data programada – e aí que a situação pode se estender indefinidamente. O próximo passo é determinar um relator para o edital que será aberto visando o leilão das redes. Isso ocorrerá apenas em 2020. O edital precisa passar ainda por uma consulta pública.

Esse passo é essencial para determinar quais operadoras serão responsáveis pela implantação dessa tecnologia no Brasil e também em quais regiões elas vão atuar. Os trâmites legais necessários para dar aval à implantação do 5G no país não devem ser concluídos antes de 2021.

A partir disso, as operadoras terão um prazo para implantar a infraestrutura necessária para o 5G e, somente aí poderão iniciar a comercialização de planos nesse sentido. Os mais otimistas afirmam que antes de 2022 dificilmente teremos a opção de contratar um plano do gênero por aqui.

O que dizem as operadoras?

A TIM se antecipou e já instalou uma antena 5G em Florianópolis, Santa Catarina. A ideia é utilizar a infraestrutura apenas para testes, uma vez que ainda não há comercialização de planos. Em breve, a empresa deve colocar antenas em outras duas cidades, ainda não reveladas.

internet 5g

Já a Claro, em entrevista ao Teletime, destacou que pretende ser pioneira no 5G brasileiro, mas que não tem pressa e nem um prazo para ativar as primeiras redes. A empresa salientou ainda que só ativará o 5G nas regiões em que houver demanda que o justifiquem.

A mesma opinião é compartilhada pela Vivo. A empresa destaca ainda que o custo de implantação do 5G é mais alto, pois requer mais antenas em mais pontos. Tendo em vista que as operadoras já enfrentam dificuldades para expandir o 4G, a empresa espera que a chegada do 5G seja um processo lento e gradual.

Aparelhos também precisam ser adaptados

O celular que você tem hoje no seu bolso não está apto para receber o 5G. Isso porque ainda não há modelos no mercado brasileiro – e eles são raros também no mercado internacional – compatíveis com o 5G. A expectativa é que os primeiros celulares aptos a receber o 5G cheguem ao Brasil somente em 2021.

Caso contrário, ao tentar utilizar o 5G, um aparelho apto captaria apenas o 4G – e operaria normalmente dentro dessa frequência. Como se vê, trata-se de um esforço conjunto e que envolve vários setores de tecnologia. Até 2022, portanto, para testar o 5G será preciso viajar para a Coreia do Sul ou para algumas regiões dos Estados Unidos.

*****

Acesse nosso site e encontre a MyMob mais próxima de você. A loja mais completa em acessórios para o seu smartphone.