Home / Blog / Curiosidades / Em breve você poderá alterar os aplicativos padrão do iPhone

Em breve você poderá alterar os aplicativos padrão do iPhone

Uma das solicitações mais antigas dos usuários de iPhone e iPad pode ser finalmente atendida pela Apple. De acordo com uma reportagem da Bloomberg, que ouviu fontes ligadas à empresa da Maçã, a companhia estaria considerando permitir que os usuários alterem os aplicativos padrão do iOS.

Ao clicar em links, por exemplo, o usuário é direcionado para apps como Safari ou Apple Mail, ainda que tenham como preferência softwares como Google Chrome ou Gmail, apenas para citar um exemplo. Hoje, mesmo que você queira não é possível alterar essa configuração, mas pode ser que em breve as coisas mudem.

Uma mudança de paradigma

Desde que o sistema operacional iOS foi lançado, nunca houve a possibilidade de os usuários modificarem os aplicativos padrão no iPhone ou no iPad. Ciente disso, a Apple investiu pesado em um ecossistema de apps que hoje soma um total de 38 opções, incluindo serviços populares como o Safari, o Mail, o Messages e o Maps.

Por isso, a possibilidade de mudança nesse conceito vem sendo encarada pelos especialistas como uma possível “mudança de paradigma” por parte da empresa. Apesar da expectativa, entretanto, a fonte ouvida pelo Bloomberg garante que, ao menos nesse momento, a empresa apenas “discute a ideia”, mas ainda não tem certeza quanto à mudança.

Além disso, outro fator que pode pesar para a Apple mudar a sua postura são os processos antitruste que a empresa vem enfrentando por conta desse comportamento. Somente em outubro do ano passado a Apple permitiu à Siri tocar músicas em outro serviço de streaming que não fosse o Apple Music – isso após o Spotify reclamar legalmente dessa prática da empresa.

Uma demanda também dos consumidores

Por outro lado, há também uma pressão por parte dos consumidores para que a Apple se mostre mais flexível com o iOS. Mesmo usuários de longa data da plataforma afirmam que a falta dessa opção nas configurações é um empecilho para que a experiência de uso do sistema seja mais prazerosa.

Além disso, os usuários defendem que a abertura do ecossistema da Apple para os desenvolvedores permitira que eles aprimorassem a usabilidade de aplicativos e serviços, tornando a experiência mais enriquecedora para todos os envolvidos. Pesa também o fato de que no Android essa possibilidade sempre existiu, então de certa forma pode ser considerada uma desvantagem competitiva. 

Ainda segundo a fonte ouvida pelo Bloomberg, existe a expectativa de essas permissões sejam concedidas já na próxima versão do iOS, a 14. Caso seja confirmada, essa e outras novidades poderão ser conferidas pela primeira vez durante a Apple Worldwide Developers Conference, evento anual da empresa que estava previsto para junho, mas que devido à pandemia de coronavírus, se ocorrer, será realizado apenas online.

Até lá, vamos aguardar e torcer para que os rumores se confirmem. Afinal, há muitos aplicativos de terceiros que poderiam melhorar muito a experiência dos usuários de iPhone caso eles pudessem ser acessados com maior rapidez.