Blog

Lançamentos

Android 11: confira 5 novos recursos da versão mais recente do sistema operacional

Por Atendimento

|

dia 14/09/2020

Compartilhar:

A mais nova geração do sistema operacional Android já está oficialmente entre nós. No último dia 8 de setembro o Google liberou o Android 11 nos modelos da linha Pixel (não comercializados no Brasil) e em alguns produtos de marcas como OnePlus, Xiaomi e Oppo.

O cronograma de distribuição da nova versão do SO dependerá de cada fabricante. As empresas são livres para realizar as adaptações necessárias em suas versões do Android antes de disponibilizá-las aos consumidores. 

Fabricantes como ASUS, LG, Motorola e Samsung devem liberar essas novidades em modelos selecionados ao longo dos próximos meses. A versão beta do Android 11 começou a circular entre os desenvolvedores em fevereiro deste ano. Vamos conhecer quais são os recursos que chegam com essa atualização.

Os principais recursos do novo Android 11

Não há tantas mudanças visuais nessa versão do Android como já ocorreu em anos anteriores. Correções de bugs, aprimoramento dos recursos de inteligência artificial e melhorias em algumas ferramentas são os principais destaques. Separamos aqui alguns recursos interessantes que você verá no seu smartphone assim que o Android 11 estiver disponível.

1. Maior integração com serviços locais de emergência

Desde 2016 o Google incorporou no Android um recurso chamado Emergency Location Services (ELS). A ideia é que, a partir da localização do usuário, seja possível entrar em contato com serviços de emergência locais quando necessário com poucos toques na tela. 

Se estiver em outro país, por exemplo, o sistema gera uma tradução automática para as centrais de emergência para que seu pedido de socorro seja compreendido. A partir do Android 11 a compatibilidade do serviço chega a 29 países, atendendo a mais de 800 milhões de pessoas.

2. Alerta de terremotos com dados gerados pelos usuários

O seu smartphone Android agora é também uma ferramenta capaz de ajudar a prever terremotos. Baseado no sistema de localização dos usuários, movimentações nas placas tectônicas podem ser detectadas alguns segundos antes dos tremores serem sentidos.

Isso permite que os usuários recebam notificações antecipadamente, ganhando tempo para buscarem abrigos. Ainda que os tremores de terra felizmente não sejam um problema característico do Brasil, outras localidades certamente farão bom proveito desse recurso.

3. Melhor acessibilidade nos recursos do Android Auto

Manter as mãos no volante enquanto dirige é uma preocupação que os desenvolvedores de software devem sempre levar em consideração. O Android 11 ficou mais inteligente nesse sentido e interage melhor com o usuário por meio de comandos de voz. 

Você pode ver seus compromissos na agenda, sugerir direções no mapa ou até mesmo fazer e receber chamadas enquanto dirige, tudo isso sem precisar encostar no smartphone. Os recursos funcionam melhor em inglês, mas é questão de tempo até que sejam plenamente adaptados para o nosso idioma.

4. Modo “Não Perturbe” aperfeiçoado

Você já deve ter se acostumado a colocar o celular no modo “Não Perturbe” antes de se deitar, não é mesmo? O Google pensou em uma solução mais interessante para essa ferramenta e desmembrou a funcionalidade para o modo “Bedtime”, ou “Hora de Dormir”.

Ele funciona da seguinte forma: você configura o aplicativo apenas uma vez, indicando a hora em que você costuma dormir e acordar. Todos os dias, durante esse período, o “Bedtime mode” é ativado e com ele há um limite de minutos de uso e as notificações são desabilitadas. Além disso, o modo noturno entra em cena, reduzindo a intensidade de brilho da tela.

5. Lookout: trazendo o real para o mundo virtual

Tirar fotos de textos e documentos virou rotina entre profissionais e estudantes. Porém, dependendo das condições de iluminação, se a foto não for bem tirada depois fica difícil compreender o que está escrito. O recurso Lookout resolve esse problema.

Em questão de segundos ele digitaliza o conteúdo e o transforma em um texto legível, como se ele tivesse sido escrito no seu smartphone. E, ainda melhor: você pode editá-lo ou copiá-lo para outras aplicações de uma forma simples e rápida.

.....

Você está ansioso para testar os novos recursos do Android 11 no seu smartphone? Então é preciso aguardar até que o fabricante do seu smartphone o disponibilize. Outra opção é recorrer à versão beta do Android 11, mas é preciso fazer um cadastro antecipado do Android Beta Program.

***
Compartilhar: